L’OCCHIO DEL POETA

A mostra L´occhio del poeta – O olho do poeta – resgata o título que foi escolhido por Murilo Mendes (1901-1975) para o livro destinado a reunir a produção de seus textos, escritos em italiano, ao longo dos dezoito anos em que viveu em Roma.

Ao privilegiar a produção artística italiana, esta mostra vem enredada por prefácios e textos críticos que o poeta escreveu – nas décadas de 1960 e 1970 – para ilustrar os catálogos de exposição de arte de seus amigos artistas plásticos que, naquele período, tinham exposto em Roma e, em geral, na Itália.

O poeta – poliédrico e de olhar aguçado – é aqui apresentado por meio de sua faceta de crítico de arte, preocupado com as indagações concernentes ao abstracionismo, concebido como linguagem universal e essencial, enveredando-se, ainda, pelo percurso analítico relativo à individualidade poética dos artistas italianos atuantes no segundo pós-guerra europeu.

Celebrada como o centro do mundo e núcleo internacional de arte, a cidade de Roma é cenário privilegiado no qual os amigos de Murilo viviam numa espécie de comunidade familiar. Tendo o italiano como sua nova língua, o poeta escreve para artistas famosos, resultando em verdadeiras palestras de língua e poesia. Tal como afirmara Giulio Carlo Argan, a crítica de arte de Murilo era um gênero literário, um capítulo do seu trabalho poético.

Num exercício dialogal por excelência, as pinturas, gravuras e desenhos da coleção muriliana, eleitos para compor esta mostra, inter-relacionam-se com os textos críticos do poeta, recompondo e trazendo à tona a convivência que os artistas italianos travaram com o “brasileiro de Roma”, na mítica casa romana da Via del Consolato, 6.


MAMM - MUSEU DE ARTE MURILO MENDES
Rua Benjamin Constant, 790 - Juiz de Fora - MG
CEP: 36015-400
Recepção: (32) 2102-3582

Funcionamento:
De terça a sábado, das 9h às 18h
Domingo, das 13h às 18h

Entrada gratuita

Espaço acessível

MAPA DO SITE